[ALEMANHA] Como é passar o reveillon na Alemanha - Frankfurt

Em 2013 finalmente foi possível realizar um antigo sonho de infância : passar um reveillon na Europa. Diferentemente do Brasil, em Frankfurt não há uma festa organizada pelo poder público nas cidades, mas sim pela própria população, distribuída em vários pontos da cidade ao longo do rio Main. Apesar da aparente simplicidade, a festa é super bonita, emoldurada pelos atributos naturais de Frankfurt : o skyline da "Mainhattan" e barcos iluminados no rio Main.

Frankfurt - A cidade

KaiserDom
Frankfurt, assim como Innsbruck,  é mais um caso de cidade polêmica. Pouco querida por alguns viajantes, a maioria usa somente o enorme aeroporto da cidade, o terceiro maior da Europa, e já parte rapidinho para outro lugar considerado mais turístico.

Isso se deve em grande parte ao perfil da cidade ser diferente do que o turista normalmente procura na Alemanha. A cidade foi bombardeada severamente na 2ª Grande Guerra Mundial e perdeu quase todo seu patrimônio histórico. Porém, ao lado de modernos edifícios envidraçados, grande parte dos prédios foram reconstruídos seguindo os planos originais, como se pode admirar na mais famosa praça da cidade : a Romerberg..

Frankfurt pode ser considerada atualmente o coração financeiro da Europa, onde estão localizadas as sedes dos principais bancos nacionais e da famosa bolsa de valores de Frankfurt. A cidade é repleta de enormes torres modernas envidraçadas de grandes companhias financeiras internacionais (daí o apelido de Mainhattan, em alusão ao rio Main e ao distrito financeiro de New York)

Mas Frankfurt não é somente isso, quem busca os tradicionais monumentos históricos e museus não deve subestimar essa bonita cidade, que possui uma boa infraestrutura urbana, com excelente hotéis, um extenso sistema de metrô e conexões para diversas outras cidades pela estação de trem principal. Para o turista, a cidade pode ser conhecida em pouco tempo, resumindo-se basicamente a parte comercial ao redor da Hauptwache , a Romerberg e o bairro boêmio de Sachesenhausen.

Para saber mais sobre Frankfurt e o que visitar na cidade, dê uma olhadinha no nosso novo post Frankfurt - Roteiro de 1 dia.



Froehliche Weihnachten - Reveillon Alemão


Como já comentei, a tradição em Frankfurt é os próprios moradores levarem seus fogos de artifício, livremente vendidos até em supermercados para a festa da noite de reveillon. A festa, aliás, começa cedo, pois durante a volta pela cidade, já começamos a ouvir o barulho de fogos de artifício por volta das 18h. A movimentação nas ruas próximas ao rio Main cresce a medida que o tempo avança. É bastante divertido observar os grupos de alemães e turistas soltando os fogos no meio da rua , numa brincadeira que muitos podem considerar perigosa.


Para quem deseja algo mais sofisticado, vários cruzeiros promovem festas particulares em barcos que navegam pelo rio Main na noite de Ano Novo. Existem desde jantares de gala até festas "rave" em diferentes tipos de embarcação.




Skyline da Mainhattan

Cruzeiros no rio Main
Perto da meia-noite, a quantidade de fogos que não paravam desde o anoitecer toma uma intensidade assustadora Não há uma contagem regressiva oficial, nem aglomerações de pessoas, ficando cada um livre para curtir o brilho da noite e fazer sua própria festa, de preferência regada a muito apfelwein. Como dizem os alemães : Froehliche Weihnachten!!!!!!!!!


Reveillon na Mainhattan

Avaliação Final

Talvez por esperar tão pouco de Frankfurt, tenha me surpreendido tanto com a cidade, que impressiona pela organização, limpeza e monumentos históricos. O reveillon fechou com chave de ouro a magnífica experiência de passar as festas de fim de ano na Europa para uma família brasileira. 

Em uma viagem que começou com o Natal nos Alpes Austríacos em Innsbruck e finalizou com o Reveillon a beira do Rio Main, foram 8 noites muito bem aproveitados, passando por uma dezena de castelos, museus e magníficas igrejas luteranas e católicas, tudo isso acompanhado de iguarias deliciosas, do ombro de porco a cerveja defumada de Bamberg.

Sobre minhas impressões pessoais da Alemanha, posso afirmar que dificilmente possa encontrar uma sociedade tão organizada no mundo atual. Talvez se possa creditar essa qualidade às  duras lições aprendidas com um insano ditador que quase levou o país à ruína, ou talvez seja o próprio caráter de sua população, trabalhadora e perfeccionista.

O certo é que, no fim da viagem, somos invadidos pela sensação de admiração por este país que soube dar a volta por cima e proporcionar, tanto aos seus habitantes quanto aos visitantes, um incrível bem estar de vivenciar no presente uma experiência cultural de respeito ao próximo, sem esquecer o passado e tradições que  formam esta formidável nação.

  • Dicas :
    • Hotel Ibis HBF. Na beira do rio, próximo a estacao de trem principal, possui boa estrutura e garagem própria. 
    • Barbarossa Schanke. Típica taverna de apfelwein de Frankfurt. Se você não suporta cigarro, fuja! Paradiesgasse 67