[ALEMANHA] Como é visitar a Cannstatter Wasen - A Segunda Maior Oktoberfest do Mundo

Cannstatter Wasen


A época entre o fim do Verão e início do Outono coincide com as grandes colheitas das vinícolas. É justamente o período em que acontece mais festas etílicas pela Alemanha,  festivais de Vinho e Cerveja costumam ocorrer em um grande número de cidades, que frequentemente disputam entre si quem faz a melhor festa.

No Vale do Reno e do Mosela, por exemplo, ao longo de Setembro, quase todos os dias ocorrem festivais do Vinho em cada uma das pequenas cidades de toda a região. Da mesma forma, diferentemente do que podemos pensar inicialmente, não existe somente uma Oktoberfest. Obviamente, Munique tem a mais famosa do mundo, mas a Cannstatter Wasen, ou Festival da Cerveja, realizado em Stuttgart, vem crescendo bastante em tamanho e popularidade a cada ano, sendo considerada a 2ª Maior Festa da Cerveja no Mundo atualmente.




Stuttgart


O Blog A Vida do Viajante já visitou e falou desta cidade no post : Stuttgart - A cara da nova Alemanha.

Capital do Estado de  Baden-Württemberg, é também o centro urbano mais representativo da Suábia, uma das regiões de mais forte tradição cultural da Alemanha, que já falamos bastante aqui no blog.

Fica bem próximo, por exemplo, dos Alpes Suábicos com suas impressionantes paisagens naturais  e monumentos históricos como os Castelos de Lichtenstein e Hohezollern, que já conhecemos no post : Schloss Lichtenstein e Burg Hohenzollern - Dois castelos de contos de fada na Suábia.

A linda fonte de Blautopft e a cidade universitária de Tubingen também estão a poucos kilômetros de Stuttgart, já destrinchamos essas atrações nos posts Blautopft - Um passeio pela nascente azul da Sereia Lau e Tubingen - Uma jóia escondida na Suábia.

Apesar de contar com mais de 1000 anos de idade, graças ao intenso bombardeio que sofreu durante as Guerras Mundiais, é mais conhecida atualmente pela cultura automobilística altamente desenvolvida, sendo sede de algumas das empresas mais conhecidas e celebradas da indústria, como a Mercedes-Benz, Porshe e Bosh.

Porém, assim como o restante do País, está vivendo um movimento de valorização do passado, sendo uma das cidades que melhor incorpora o espírito da nova Alemanha, aliando o alto crescimento industrial de tecnologia de ponta com o senso de preservação de suas antigas tradições históricas e culturais.

Como chegar?


A cidade de Stuttgart é de fácil acesso tanto de carro, quanto trem ou avião. Fica a cerca de três horas e meia de Paris e a pouco mais de duas horas de Munique, sendo por isso mesmo uma boa opção para um stopover em uma viagem de trem entre as duas.

A Cannstatter Wasen é realizada no Neckar Park , no distrito de Bad Cannstatt, ao lado do Museu da Mercedes Benz e do estádio da cidade : a Mercedes Benz Arena. Facilmente acessível por meio da linha U11 do metrô, que durante os dias de festival tem a quantidade de composições reforçadas para atender a demanda. Também dá pra chegar de ônibus , trem ou mesmo de carro.

Quando ir ?

A festa ocorre tradicionalmente entre o fim de Setembro e início de Outubro. Diferentemente da Oktoberfest de Munique, ela tradicionalmente não termina no primeiro Domingo de Outubro.  Em 2016, por exemplo, começa em 23 de Setembro e vai até 9 de Outubro, enquanto a festa de  Munique termina no dia 3, então dá tempo de curtir as duas festas tanquilamente. Consulte sempre o site oficial para saber as datas exatas em cada ano por este link : http://cannstatter-volksfest.de/en/landing-page/.


O que fazer ?


Que pergunta boba, você vai num festival de cerveja para... beber cerveja , óbvio, né? Afinal o que mais teria para se fazer em um lugar assim? Acontece que , surpreendentemente, a resposta pode não ser tão simples assim...

O fato é que até mesmo quem detesta cerveja pode se divertir muito - ou até mais do que um simples bebedor tradicional de cerveja nessa festa. Muito mais do que bebidas, a festa tem a ver com tradições e entretenimento. É o que eles chamam Volksfest, uma festa folclórica. Sempre fica bem claro que tanto aqui quanto em Munique que a festa é feita para família inteira. A prova disso é a grande quantidade de crianças espalhadas pelo parque, que se transforma em um verdadeiro e gigantesco parque de diversões. Tem de tudo, desde jogos de tiro, atrações de circo até imensas rodas gigantes, um verdadeiro playground a seu aberto.


Festa para todas as idades

Imenso Parque de Diversões

Em relação a de Munique ,  os brinquedos do parque são um pouco mais simples, sem muitas atrações de grande porte ao estilo Disneyland.  As "ruas"  de circulação dentro do parque são um pouco mais estreitas também, o que acaba gerando um pouco de congestionamento em dias mais movimentados. Porém, assim como na festa da Bavária, as Quartas-Feiras são tambem reservadas para as crianças, com descontos nos brinquedos que fazem a festa da garotada.

Festa de família


Brinquedos para crianças e adultos


No lado adulto da festa, tudo o que você espera está tudo lá : os gigantescos pavilhões (chamados de tendas) lotados de gente, as tradicionais comidas da região : salsichas, pato, frango e, claro, o joelho de porco à moda suábia local acompanhados de muito chucrute. As tradicionais cervejarias da região têm seu espaço garantido na festa : Dinkelacker, Fustenberg, Stuttgarter Hofbraus e Schwaben Brau em tendas de grande porte, que nos fins de semana lotam bem cedo. Tivemos que encarar muita fila para sentar nas mesas comunitárias.



Joelho de Porco na especialidade Suábia
Traçando novamente o paralelo em relação a Munique, notamos que é uma festa muito mais frequentada pelos próprios alemães, especialmente os mais jovens.  A presença massiva deles parece refletir também no ambiente interno das tendas, que ficam invariavelmente lotadas e bastante animadas (e barulhentas) mesmo no horario de almoço durante fins de semana. As músicas também  tendem a ser mais modernas, sem muito enfoque na tradicional polka alemã.

Muita festa



Predominantemente jovens

Tendas gigantes

Outra diferença é que é permitida a venda de cerveja fora das tendas, o que é permanentemente proibido em Munique. Muitas barraquinhas que vendem comidas típicas acabam comercializando  cerveja em copos plátiscos, talvez justamente para aliviar um pouco o problema da superlotação dentro das tendas. Consequentemente, a festa acaba por ser ter um ambiente um pouco menos familiar para quem veio apenas curtir os brinquedos. Chegamos até a presenciar uma pequena briga entre dois jovens, provavelmente por conta de umas doses a mais, prontamente encerrada pela polícia e com rápido atendimento médico pelas muitas ambulâncias que ficam no local.


Tendas fantásticas


Decorações típicas

Muita festa


Em relação aos preços, não notamos muita diferença entre as duas festas. A cerveja, no entanto, não precisa ser consumida apenas nas tradicionais canecas de 1L, com preço sugerido de 10 euros em ambas. O que fica bastante evidente, no entanto, é que as tradicionais marcas bávaras são bem superiores no paladar do que suas concorrentes suábias, mais leves e sem muito lúpulo, Lembram um pouco o estilo brasileiro de cerveja.








Impressões Finais


De maneira geral, gostamos bastante da festa, alegre, bem organizada e divertida. Além disso, o visitante tem a opção de combinar uma visita ao parque ao fantástico Museu da Mercedes Benz que fica bem ao lado.  Seja você um apreciador da bebida maltada ou não, sempre vai ter um bom motivo para curtir a Cannstatter Wasen.