[ALEMANHA] Cidades medievais alemãs : Rothenburg Ob the Tauber

Rothenburg ob der Tauber - A cidade

O próximo destino é uma velha conhecida da época que percorri a Rota Romântica da Alemanha. Situa-se na região da Francônia, às margens do Rio Tauber e tem uma economia fortemente voltada ao turismo.

Rothenbug obt é simplesmente uma das mais sensacionais de todas as cidades medievais que já conheci. Totalmente fortificada, cada pequeno recanto dentro das suas muralhas tem uma história própria para contar : caminhando poucos metros você encontra a casa do prefeito que salvou a cidade da invasão austríaca, logo depois a casa do primeiro farmacêutico da cidade, mais adiante a esquina das ruas x e y era o local onde as pessoas eram degoladas e assim por diante. É um lugar verdadeiramente mágico, em que os vultos do passado se misturam ao burburinho dos carros e turistas do presente. Uma jóia verdadeiramente única em todo o mundo. 

Para nossa sorte, Rothenburg escapou várias vezes de ser destruída durante a história. Na mais famosa delas, conta-se que após um penoso cerco à cidade, o General Austríaco chamado Tilly convocou uma reunião na taberna situada na praça com as autoridades locais para comunicar que tomaria a cidade no dia seguinte. Para apaziguar os ânimos, foi servido aos austríacos o melhor vinho local, num canecão, contendo um galão, o qual, como era de hábito na época, passava de boca em boca (como o chimarrão gaúcho), para cada um tomar um gole. Tilly então zombou dos autóctones, apostando que não haveria homem local capaz de beber o conteúdo total do canecão de vinho, sem respirar uma só vez. O prefeito Nusch então tomou para si o desafio sob a condição de que a cidade fosse poupada, sendo  homenageado até hoje no carrilhão que toca das 11h as 14h na Marktplatz que retrata a cena do "Master Draft" com perfeição.

Rothenburg ob der Tauber - O centro histórico




Altar do Sangue Sagrado
Depois de acomodar as bagagens nos Gasthof Butz, corremos para pegar aberta a igreja de St Jakob, a maior da cidade. Trata-se de uma igreja evangélica luterana, construída entre 1311 e 1484, conhecida por abrigar o Altar do Sangue Sagrado, que dizem conter uma cápsula de cristal com uma gota do sangue de Jesus Cristo. Verdadeira ou não a lenda, a Igreja vale bem a visita de qualquer forma.

Mesmo fora de época, o clima natalino está sempre presente em Rothenburg. Em Dezembro então, a cidade se transforma basicamente em um grande presépio a céu aberto. Visitamos aquela que julgo ser a maior loja de artigos de  Natal do mundo, a Kathe Wohlfarth´s, no mesmo prédio que abriga o conhecido museu do Natal, que funciona o ano inteiro. Presépios, bonecos de madeiras, todas as lembranças são tão caprichadas que dá vontade de levar tudo para casa.

Rothenburg tem ainda a vantagem de tão pequena que em uma hora demos uma volta pela metade do centro histórico , admirando a saída para o jardim que outrora abrigou o castelo da cidade. A marca de óleo quente no portal de entrada nos faz lembrar de quanto a vida medieval era dura para uma cidade próspera, frequentemente alvo de invasores. Em Rothenburg não se preocupe com mapas, pois todos os caminhos o levarão à marktplatz, praça central da cidade, em que se destacam o prédio gótico da Rathaus e o relógio de figuras animadas que representam o meisterdrunk.

Altar do Sangue Sagrado de Cristo, relíquia de 1270 ac

Markplatz

É sempre Natal em Rothenburg
Um dos portões de entrada da cidade


Voltamos ao hotel e finalmente pude me deliciar com a cerveja defumada acompanhado de um joelho de porco caprichado. Para acompanhar não deixe de levar um dos famosos doces da cidade , as schneballs.

Prato da Francônia





Rothenburg ob der Tauber - A Muralha

O símbolo indefectível de Rothenburg são suas muralhas e foi percorrendo elas que começamos o dia seguinte, aproveitando para sentir os primeiros raios de sol da manhã fria iluminar essa cidade imortal. Pode-se rodear praticamente a cidade inteira por cima de seus bem preservados muros e torres, de onde se tem uma bela vista do burgo e do vale do rio Tauber abaixo.

Nascer do dia nas muralhas medievais
Vista a partir das muralhas
Vista a partir das muralhas
Vista a partir das muralhas
A cidade oferece ainda uma boa quantidade de museus que contam histórias medievais de: guerras, intrumentos de tortura,  brinquedos e modos de vida antigos. O guardião da noite, ou nightwatchman, é outra atração  imperdível quando você estiver na cidade, é um personagem que nos guia através  das casas e ruas escuras e estreitas  da cidade iluminados pelo lampião, desvendo as histórias ocultas pelo tempo.

Avaliação Final

A Alemanha possui um conjunto admirável de cidades históricas praticamente intocadas desde o período do seu apogeu Medieval, onde se destacam Bamberg e Rothenburg ob der Tauber. Se você gosta de história, lugares pacatos e monumentos a admirar não deixe de conferir essas lindas cidades, distantes entre si pouco mais de 150 km. São duas cidades pequenas, em que é possível conhecê-las em pouco tempo, preferencialmente um dia livre para cada uma.

  • Dicas :
  • Gasthof Butz. Boa pousada localizada a um quarteirão do marktplatz, com restaurante aberto ao público com bons preços e comida de boa qualidade. Kapellenplatz 4.  Rothenburg obt.
  • Kathe Wohlfarth. Uma das maiores lojas temáticas de artigos do Natal do mundo. Herngasse 1. Rothenburg obt.