[PLANEJAMENTO] Como elaborar um roteiro de viagem

Roteiro de viagem vale a pena?


Várias pessoas me perguntam se vale a pena investir tempo em fazer um roteiro de viagem. Se viajar nas férias significa se libertar de todas as obrigações do dia-a-dia, por que deveria me preocupar em seguir um roteiro?   Bem, isto depende do estilo de viagem que você deseja fazer. Claro que se o objetivo seja relaxar em um Resort na Bahia,  muito pouco ou quase nenhum planejamento será necessário. Porém, se lhe agrada a idéia imergir em uma cultura diferente e conhecer o máximo de atrações possíveis nos poucos dias de férias disponíveis,  é fundamental definir o quanto antes seu roteiro de viagem de forma a otimizar seu precioso  tempo e dinheiro. Acredite que faz muita diferença!

Por onde começar ? 


Eu sempre respondo que o primeiro passo é definir com antecedência quais cidades  irá visitar. Dessa forma, você já pode definir os custos fixos de viagem : transportes e hospedagem. O passo seguinte é estimar os custos variáveis, como excursões, alimentação e atrações a serem visitadas. Em paralelo, não podemos deixar de providenciar os aspectos práticos da viagem, como passaporte, vistos, vacinas, seguros,   e principalmente  o que levar na bagagem e que moeda levar.
Viagens no Brasil, normalmente podem ser planejadas com pouca antecedência. Já viagens internacionais necessitam mais tempo, de três meses a seis meses antes da data de embarque é uma boa época para reservar hotéis em promoção e obter informações suficientes para seu roteiro.

Meu exemplo de Roteiro na América Sul.

Ainda no mês de Maio, logo após a volta de uma viagem pela Europa, já comecei a planejar o que fazer nos meus 15 dias de férias de Setembro. Como já devem saber, Agosto e Setembro sempre é uma boa para curtir o friozinho abaixo dos trópicos sem pagar os preços exorbitantes de Julho.
Pensando nisso, procurei então retomar a idéia de ir para Bariloche, descartada ano passado pelo custo mais alto em relação à Santiago do Chile. Foi então que surgiu uma promoção da gol com passagens para Montevideo e Buenos Aires por 3000 pontos, eu não ia deixar passar essa né?
O próximo passo era saber como chegar a Bariloche. Seria melhor partir de Montevideo ou Buenos Aires? Para variar, o preço das passagens para Bariloche estavam nas alturas. Mas, perdendo algumas horas de sono pesquisando  descobri passagens bem em conta de Buenos Aires para Puerto Montt, cidade chilena de onde parte a travessia dos Lagos Andinos até Bariloche. O único incoveniente é que deveria ir e voltar por Puerto Montt, mas em compensação poderia comprar a volta direto para Foz do Iguaçu ou Rio de Janeiro sem precisar voltar para Buenos Aires.. Como não conhecia nem um dos dois lugares resolvi visitar meu primo no Rio que fazia longo tempo que não o via.
Então o projeto America do Sul 2012 tomou forma e fechei meu roteiro:
FORTALEZA - MONTEVIDEO (3 noites) - COLONIA - BUENOS AIRES (4 noites) - PUERTO MONTT/ PUERTO VARAS (1 noite) - BARILOCHE (5 noites) - PUERTO VARAS/PUERTO MONTT  (2 noites)- RIO DE JANEIRO (4 noites) - FORTALEZA, os quatro países em 20 dias.




Comentários